Arquitetando Estilos

A tatuagem por trás do plástico filme

Hoje vou exemplificar dúvidas que sempre me questionam quando se trata de cicatrização na tatuagem. Lembrando que esse exemplo que vou passar pra vocês é de como a cicatrização ocorre comigo, na forma como eu cuido e com as reações da minha pele. Cada pessoa tem um determinado tipo de pele e de rotina, e a exposição das tatuagens faz com que mude o resultado final em cada tatuagem.

A escolha do desenho

Como vocês bem sabem, hoje me encontro em licença maternidade por conta desse bonitinho aí da foto. E uma das primeiras coisas que eu fui correndo aprontar assim que ele largou do peito foi ir homenagear esse “momento mãe” na pele. (Caso queiram relembrar o porquê da importância de não se tatuar enquanto grávida ou lactante, leia aqui)

À esquerda, foto do meu pequeno quando ainda tinha 8 meses (para acompanhar mais do nosso dia-a-dia, nos siga no perfil pessoal do Instagram: frenchiesandtheguy). À direita, croqui base da criação da arte em cima da foto. Foto por victorinoyasmin, tatuagem por loiz_loiz.

Quis dar ênfase ao meio oriental em que eu vivo, e nada melhor que encontrar uma artista que também trabalhe com esse tipo de arte. Busquei a talentosíssima loiz_loiz pra representar o meu japinha. (Para ler sobre como procurar o tatuador ideal pro seu tipo de tatuagem, leia aqui)

Durante a tatuagem

Pra quem não conseguiu acompanhar no meu instagram profissional ycoiado, vou deixar aqui os vídeos que eu fiz durante a sessão. Essa tatuagem já tem cerca de dois meses. Nela foi usado traços finos e também mais grossos, acabamento de preenchimento sólido colorido e com finalização em pontilhismo em preto e branco, e partes com e sem contorno. Das minhas experiências, o fato de ter sido uma mulher que me tatuou também leva a um trabalho com a mão não tão pesada, mas isso não é regra ok?!

Primeira noite pós-tatuagem

As recomendações de como cuidar foram muito semelhantes ao que eu indico também. Usei plástico filme por três dias sem o uso de pomadas, para que a mesma não desbote. O plástico evita que impurezas entrem em contato com o corte recém feito da tattoo. O ideal é não deixar com que esse excesso de tinta que escorre se acumule, pois é daí que as cascas tendem a surgir. Geralmente três trocas diárias de plástico são o suficiente.

Deve-se lavar a tatuagem com sabão neutro em movimentos circulares e sem pressionar para evitar que o traçado estoure ou que se puxe pedaços da tinta para que não fique esburacado e com falhas na tinta. Lave quantas vezes achar necessário afim de que saia todo esse excesso de tinta antes da troca do plástico.

Primeiro dia sem o plástico filme 

É aqui que se inicia de fato a recuperação da tatuagem. Comecei a usar pomada cicatrizante, tenho o hábito de passar afim de deixar o dia todo hidratado. Isso evita a formação de cascas. Costumo passar cerca de 10 vezes ao dia, mesmo tendo a pele oleosa minhas tatuagens secam rápido por estarem sem o plástico filme. Também evito usar roupas justas que abafem a área tatuada. Atenção: se você tem tendência à inflamação, é nessa etapa em que a tatuagem pode inflamar! Cuidados redobrados com a sua alimentação ok?! 

É importantíssimo lembrar: NUNCA coce ou arranque cascas da sua tatuagem! Deixe que a hidratação cuide para que se evite falhas. (Quer lembrar mais a fundo sobre como cuidar da tatuagem na cicatrização? Leia aqui)

Vinte dias depois…

Aqui já temos a tatuagem cicatrizada superficialmente. Uma cicatrização mais profunda leva ao menos três meses. Mas é o primeiro mês que vai definir como ela vai cicatrizar. Por esse motivo o ideal é deixar a área “respirar” o maior tempo possível. Tatuagens em cima de peles finas (como costelas e pulsos) ou de músculos devem ter o dobro de atenção, se muito tencionadas os traçados podem estourar. Deve-se evitar inclusive academia/atividades físicas de atrito no local tatuado durante esse período por esse mesmo motivo. 

A tatuagem cicatrizada

Não podemos nos esquecer de que a tatuagem é feita sobre um processo manual, o que dá margem para falhas. Mesmo com o maior cuidado, o desenho uma hora vai se assentar na pele. A coloração vai casar com o tom da sua pele, o brilho vai sumir e o desenho que fica é o que se mantém. A imperfeição é o que deixa o desenho humano e real. Entender esses detalhes com certeza te permite gostar ainda mais da sua tatuagem.

No caso dessa minha tatuagem podemos notar que, aonde a perna tensiona sobre o músculo, o traçado estourou. Mesmo eu não fazendo atividades físicas no momento (carregar um bebê pra todo lado com mais de 11kg conta?! kkkk) e não usando roupas justas por um mês, aconteceu. É normal!!! E faz parte de procedimentos como este. Agora vem e me conta a sua opinião. Sua cicatrização é muito diferente da minha? Tem dúvidas? Deixa nos comentários 🙌🏻

Posts Aleatórios

Yasmin CoiadoA tatuagem por trás do plástico filme

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *