Arquitetando Estilos

Dependendo da sorte

Depender da sorte não é um aspecto da sorte. Sorte mesmo é ter controle sobre grande parte da vida e sair ileso daquilo que você “sabia que daria certo”. Escolher depender da sorte é atribuir a qualquer outra coisa que não seja você da responsabilidade de, realmente, ser bem-sucedido nas empreitadas que você queira dar na vida.

Eu sei que não controlamos tudo. Numa segunda-feira de manhã, por exemplo, o tempo pode virar e uma tempestade alagar o seu caminho para o trabalho. Ou então, o filme da sessão das 19 horas que você queria assistir já está esgotado quando você chega na bilheteria depois de uma corrida contra o tempo no trânsito. Isso é sorte ou azar, controle zero.

Outro modo de se pensar a dependência que temos na sorte é fazer de tudo por uma causa, sendo ela, amorosa, financeira, profissional, familiar ou pessoal. Não tendo mais o que possa ser feito, restando-nos apenas esperar para descobrir os resultados dos dados que já foram lançados. “Alea iacta est” ou “a sorte está lançada” como diria Júlio César.

Na coluna de hoje, que a sorte seja sua aliada você possa aproveitar o cenário cultural que Curitiba te espera.

Cinema

Muitos filmes estão programados para serem lançados nessa segunda metade do mês de julho. Há desde filme brasileiro até filme de animação.

Do diretor Marcus Baldini Uma Quase Dupla conta em seu elenco os atores Cauã Reymond e Tatá Werneck. Nesta comédia, o subdelegado e a experiente investigadora precisam desvendar os crimes na cidade de Joinlândia.

Egon Schiele foi um dos artistas mais provocativos do século XX, explorando a forma humana e a sexualidade. Em Egon Schiele – Morte e Donzela o longa conta a história do artista e as polêmicas em que causou na época. Do diretor Dleter Berner, o filme tem como país de origem o mesmo de Schiele, a Áustria.

Do longa de animação, Ilha dos Cachorros é o destaque. Tendo como plano de fundo uma grande cidade japonesa, o longa faz críticas à quantidade de lixo produzida nos dias de hoje e a leis abusivas existentes. Na animação, todos os cachorros são banidos da cidade e enviados para uma ilha vizinha repleta de lixo. Só uma amizade entre um garoto e seu cachorro para tentar transformar a vida da cidade. O filme é dirigido por Wes Anderson (um dos meus diretores favoritos).

O longa A Festa dirigido por Sally Potter, pode ser uma ótima oportunidade para rir do imprevisível. Com sete personagens ao longo da história, o filme mostra um jantar que aparentemente tinha tudo para ser leve e divertido, ser transformado num ambiente hostil. Quando verdades obscuras vem à tona, a confusão está garantida.

Como eu já tinha pulicado na coluna do começo do mês de julho, Alguma Coisa Assim do diretor Esmir Filho, estreia dia 26. O longa é uma continuação de um curta que foi selecionado para a Semana da Crítica do Festival de Cannes que pode ser visto no link abaixo.

http://portacurtas.org.br/filme/?name=alguma_coisa_assim

Exposição

De onde viemos e para onde vamos. Só continuamos enquanto sociedade quando reconhecemos o nosso passado. Tendo como descendência de muitos brasileiros o longínquo Japão, a mostra Ryo Mizuno resgata aquele que foi o pai da imigração japonesa no Brasil. É possível conferir documentos e objetos que estarão disponíveis para o público no hall da Secretaria de Estado da Cultura (SEEC).

Ryo Mizuno foi responsável por trazer cerca de 165 famílias para o país em 1908. Sua família se instalou em Curitiba mas viveu até os 91 anos em São Paulo. A mostra inicia no dia 17 desse mês e vai até o dia 5 de outubro.

No Museu da Fotografia Cidade de Curitiba é possível conferir a exposição Fotografia Em Transe. Expostas em quatro salas, as fotografias apresentam fotógrafos de três períodos: anos 1950-60, 1970-80 e 1990-2000. Em uma das salas estarão fotos premiadas nas Bienais de Fotografia de Curitiba. A entrada é gratuita e estará aberto ao público a partir do dia 17 e finalizando no dia 7 de outubro.

Gastronomia & Cerveja

Acontece no dia 28 de julho a sexta edição da Vinada Cultural na Praça Afonso Botelho, no Água Verde. O evento é ideal para os amantes de um bom cachorro quente e os participantes são: Cachorro Loko, Green Dog, Herculanos Dog, Cidadão do Mundo, Choripan, Don´t Stop Hot Dog, Xande Hot Dog e Jhose’s Dog. A Vinada também vai reunir chopes artesanais e bandas como O Sebbo, Relespública, Duo Tony Caster & Mississippis rocks – Trio Rocks and Blues e Chave de Mandril. O evento é destinado para adultos, crianças e também para pets e terá início as 11 horas. Cada sanduíche será vendido pelo valor fixo de R$ 10.

Para quem busca conhecer cerveja diferentes, o Dum Day 8 celebra seu oitavo aniversário na cidade com 88 rótulos de cerveja. O evento será realizado no Museu Oscar Niemeyer (MON) e é destinado para toda a família sendo, também, pet friendly. Os ingressos variam de R$50 a R$60 sendo que o primeiro lote de R$40 já está esgotado. O Dum Day 8 será no dia 21 do meio dia até as 22 horas. Para saber quais os rótulos que estarão no evento, é possível acessar o link abaixo.

http://www.dumcervejaria.com.br/blog/2018/07/14/dum-day-8/

Café

Conheci há pouco tempo o The Coffee. Localizado na rua Prudente de Morais, o The Coffee é um pequeno quadrado no meio da quadra. Para achá-lo pela primeira vez é preciso estar atento. Com uma proposta moderna e minimalista, o café é composto apenas pelo balcão em que é feito o pedido e a máquina em que são feitas as bebidas. Não há espaço interno para os clientes, ou seja, não tem mesas nem cadeiras.

A ideia principal do lugar é ser dinâmico e rápido, o que é cumprido em sua totalidade. O pedido é feito por um iPad e não requer que algum funcionário faça o atendimento. Depois do próprio cliente fazer o pedido e pegar o cupom fiscal, resta aguardar ser chamado pelo nome que é colocado ao fazer o pedido.

O preço é justo e o cardápio é composto por 10 opções, cinco quentes e cinco geladas. Os preços variam de R$3,50 a R$6,95. O horário de funcionamento de segunda a sexta-feira é das 7h30 até as 20 horas e nos finais de semana é das 9h30 até 19h30. Vale conferir!

Música

A cantora Anitta acaba de lançar uma nova música e no dia 28 desse mês estará se apresentando pela capital. O evento será na Live Curitiba e os ingressos variam de R$60 (meia entrada) e R$110. A abertura será as 21 horas e o show começa a meia noite. Se você ainda não escutou a nova música da cantora, confira no link abaixo.

Muito obrigado pela leitura. Se você tem uma crítica, elogios ou sugestões, escreva para mim. Até a próxima,

Eduardo Martinesco

Eduardo Martinesco

Sobre Eduardo Martinesco

Estudante de Jornalismo, Curitiba - PR.

Todos os posts

Posts Aleatórios

Eduardo MartinescoDependendo da sorte

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *