Arquitetando Estilos

Final de Ano no Paraguay

Olá humanos!

Claro que durante o final de ano o movimento na fronteira se intensifica. Mas ao contrário do que acontece na maioria dos lugares do mundo, por aqui as lojas não se diferenciam seu comportamento deforma substancial por causa disso.

Por ser um destino de compras, o funcionamento das lojas costuma ser sempre o mesmo. Iniciando a jornado de trabalho entre 7:30 e 8:00 (do Brasil) e seguindo até 16 ou 17h ininterruptamente. Atualmente o Shopping Paris, que já mostrei AQUI, e o SHopping Del Este costumam ficar abertos até as 20:00. Aos domingos estes shoppings trabalham entre as 11:00 e as 17:00 mantendo as opções de lazer até as 21:00.

Já deixo avisado de antemão que não se espere mudança de comportamento por causa das vendas de Natal. Antigamente eu desaconselhava firmemente as pessoas a irem para o país vizinho aos domingos depois do meio dia. Continuo achando um pouco complicado para quem vai a pé, mas se você estvier com m transporte próprio, ou se chamar uma agência ou motorista de turismo, pode ir tranquilamente.

Dia 24/12/18 será uma segunda feira e a maioria das loja nessa data, bem como no dia 31/12/2018 trabalhará até meio dia. Novamente o Shopping Paris e o Del Este fiicarãm um pouco mais, mantendo as portas abertas até as 17:00 Contudo sejamos realistas e vamos com a consciência de que o atendimento será temperado com uma cara de limão homérica. Você teve 364 dias pra se organizar, deveria estar cuidando da ceia.

Nessa época também acontecem os dissabores das pessoas que juntaram suas rúpias para ir até o exterior – pero no mucho – buscar alguns itens de desejo, com preços até 50% menores que no Brasil. Até aí tudo bem. Temos nossas economias, recesso no trabalho, 13º caindo gostoso na nossa mão.

Porém todos os Brasileiros e Brasileiras estão neste mesmo momento. E aí vem a muvuca, e as compras todas, e por mais que as lojas se preparem, itens de desejo, ou da moda, muito frequentemente acabam. E o preço sobe, e mesmo com o preço alto você não encontra. E quando encontra o preço já subiu outra vez.

Eu trabalhei mais de uma década em lojas no Paraguay. Entre 15 de dezembro e início de fevereiro a procura é algo louco, e a oferta nem sempre acompanha. Se o item da sua listinha que é desejo ou necessidade total estiver indisponível em 3 ou 4 lojas, especialmente as maiores, compre assim que encontrar, pois se você ficar procurando muito tempo, pode acabar sem. Já vi produtos subirem de preço 8 vezes em um mesmo dia.

Brasileiro, ao contrário do território nacional, não tem limites. Logo uma prática comum no Dutty Free da Argentina é limitar um número de produtos por cliente. Por exemplo: 5 batons MAC para cada cliente. Não, eu não estou brincando. Ainda que no Paraguai eu não tenha visto esse controle, o Dutty já ha alguns anos tenta coordenar as compras para que possa deixar um número maior de clientes satisfeitos.

Espero que as dicas ajudem você a não sofrer aqui na tríplice fronteira.

Um uppa do tio, e que venha 2019!

Posts Aleatórios

Lelo AzuosFinal de Ano no Paraguay

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *